ATENDIMENTOS DERMOESTÉTICOS EM

RADIODERMITE

Anterior
Próximo

São as alterações da pele provocadas pela radioterapia. Tratamento no qual se utilizam radiações ionizantes para destruir um tumor ou impedir que suas células cancerígenas aumentem.

A radiodermatite causa irritação da pele, de maneira semelhante a queimadura solar, algumas vezes com uma reação descamativa próximo ao final do tratamento. Pacientes mais sensíveis à radiação às vezes podem apresentar reação descamativa úmida, especialmente próximo à axila e em região do sulco infra mamário. 

As repercussões cutâneas da radioterapia variam consideravelmente em gravidade, curso e prognóstico, dependendo da dosagem das aplicações da radiação, da região corporal em que é aplicada e da preparação prévia da pele.

Essas alterações cutâneas são classificadas como agudas ou crônicas. A primeira pode ter sequelas graves que afetam a qualidade de vida e o tratamento do câncer, se a apresentação for muito intensa, o tratamento pode ser adiado por algum tempo para que a pele possa se recuperar. 

Cuidados especiais devem ser adotados apenas em relação à área de tratamento ou à área do local de saída do feixe de radiação. 

 

Para desenvolvermos uma conduta terapêutica adequada para sua queixa, entre em contato com nossos profissionais especializados.

AGENDE UMA AVALIAÇÃO!